"FÊNIX" - exposição de jóias da artista Plástica REJANE HELCER

por Luci Sciascia.

02/11/2017 16:57:00
 
INN GALLERY apresenta "FÊNIX" - exposição de jóias da artista Plástica REJANE HELCER em novembro
 
As belíssimas peças da Coleção Fênix de Rejane Helcer, inspiradas na beleza e na força das pérolas e pedras naturais, serão apresentadas no Cocktail dia 07 de novembro à partir da  18:30hs e ficarão expostas na galeria até o dia 09 de novembro das 10 às 19hrs. 
 
page_joias.jpg
 
A nova coleção FÊNIX ressurge em brincos, anéis e colares, elaborados individualmente, resultando em uma sofisticada concepção de acessórios, produzidos manualmente e em edição limitada.
 
REJANE HELCER atua há anos como designer de jóias, é artista plástica, com formação na Faculdade de Belas Artes de São Paulo.
 
Curadoria de Eliane Soares
 
Com várias exposições no Brasil e exterior, a artista apresentará também algumas de suas obras na galeria.
 
pagearte.jpg
 
São pinceladas soltas e suaves, unidas a cores que se fundem entre si. Obras dedicadas à pesquisa de papéis orientais artesanais, provenientes da Ásia e Oriente, com dobraduras e colagens em formas geométricas e sinuosas, emolduradas  em caixas de vidro ou acrílico, em belíssimas composições.
 
Coleção "FÊNIX" de REJANE HELCER
Cocktail dia 07/11
Das 18:30hs às 22:00hs
Visitação até 09/11
Das 10 às 19h   
INN GALLERY
Rua Melo Alves, 138 - Jardins / SP
Fone: + 55 11 2659.0630 e  11 94314.6595
Facebook e Instagram - @inngallery.br

Galeria Almeida Prado ganha espaço em São Paulo

por Redação.

21/10/2017 17:25:00
 
almeidaprado.jpg
 
Fundada há oito anos em Brasília, local será inaugurado este mês na capital paulista
 
Por acreditar que o mercado das artes poderia gerar mais frutos em São Paulo, Fábio Almeida Prado, idealizador da galeria que carrega seu sobrenome, decidiu mudar o espaço de endereço. O local escolhido foi a altura do nº 2096 da Rua Estados Unidos, no Jardim América. A inauguração do local será em 28 de outubro, a partir das 12h.
 
A galeria surgiu em 2009 em Brasília e já expôs itens de mobiliário inspirados nos anos 1940, 1950, 1960 e 1970, gravuras, antiguidades, arte popular, indígena e peças exclusivas de artistas como Volpi, Oscar Niemeyer, Tomie Ohtake, Athos Bulcão, Sérgio Rodrigues, Jorge Zalszupin e Michel Arnoult.
 
almeidaprado1.jpg
 
Com três andares distribuídos em mais de 200m², o novo espaço em São Paulo é assinado pelo arquiteto brasiliense Clay Rodrigues com co-autoria do galerista. A proposta da nova galeria é que as pessoas consigam imaginar como as obras e móveis ficariam em suas casas e, para facilitar que isso aconteça, as peças são distribuídas pelos ambientes como se fossem parte da decoração. 
 
O marchand e curador Fábio Almeida Prado cresceu em Brasília, sofrendo fortes influencias do modernismo – movimento ícone da cidade.  Fábio também é admirador de todo o universo que envolve cultura, arquitetura e design.
 
Em 2009, Fábio decidiu fundar a Galeria Almeida Prado, onde por oito anos expôs obras de artistas brasileiros e de outros países como Estados Unidos, França e China. Agora em São Paulo, o galerista traz toda essa bagagem para continuar em terras paulistanas seu trabalho.
 
Na galeria é possível encontrar obras de artistas como Volpi, Athos Bulcão, Lucio Costa, Oscar Niemeyer, Rubem Valentim, Arthur Luiz Piza, Antônio Poteiro, Djanira, Flávio de Carvalho, Emanoel Araújo, Tomie Ohtake, Anna Letycia, Carybé, Fernando Carpaneda, Rubens Gerchman, Glauco Rodrigues, Breno Rodrigues, Muhammad Bazila, Eduardo Baruch, Antônio Maia, Luiz Gallina, Sérgio Rodrigues, Jorge Zalszupin, Michel Arnoult, Goeldi, Marcelo Calil,  Inos Corradin, Abraham Palatnik, Eduardo Sued, Ramon Cáceres, Francisco Galeno, Sônia Ebling, Roberto Magalhães, Julien Alonso, Nina Coimbra, Isabel Pons, Zuleika de Souza, Clarice Gonçalves, Juarez Machado, Ozi, Luda Lima, Hugo Santarém, Di Cavalcanti, Ulisses Lociks, Thays Tyr, Nádia Bacin, Muhammad Bazila, Aldemir Martins, Luisa Gunther, Siron Franco, Bruno Giorgi, Danilo Vale, Aciole Felix, Estudio Mosaico, Ligia Medeiros, Helena Lopes, Leda Watson, Marcelo Coelho, Roberto Burle Marx, Ana Siqueira, Portinari, Leo Coimbra, Marcelo Marins, Salvador Cordaro, 
Pedro Moutinho, Percival Lafer, Jean Gillon, Zanine Caldas, Liceu de Arte e Ofícios, Arte Popular e Arte Indígena.
 
Galeria Almeida Prado ganha espaço em São Paulo
28 de outubro
Horário: das 12h às 18h
Endereço: Rua Estados Unidos, 2096 – Jardim América.

Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer

por Redação.

21/10/2017 17:01:00
 
Iniciativa premiará os melhores vídeos de jovens no combate à discriminação etária da população idosa
 
Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer pretende despertar o olhar da sociedade para as relações intergerações
 
envelhecr.jpg
Divulgação
 
Segundo dados recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, a população idosa vai triplicar entre 2010 e 2050. Somente no Brasil essa população deve passar de 19,6 milhões (10%) para 66,5 milhões de idosos (29,3%). Estamos preparados para este "futuro idoso"? Mais do que isso, como se dará a relação entre intergerações tão distantes: jovens e idosos?
 
Foi a partir da constatação de que a sociedade precisa se preparar para o futuro e enfrentar a discriminação etária contra os idosos que foi criado o Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer. Trata-se de uma iniciativa dos parceiros Associação de Amparo ao Idoso – Projeto Velho Amigo, Instituto Jatobás, Intemsa - Interfaces Psicologias em Saúde e Fundação Semente ORÉ, com curadoria do Curso de Gerontologia da PUC-SP.
 
A ação pretende contribuir para uma mudança de percepção dos jovens em relação ao idoso. Quais são os olhares dos nossos jovens sobre a pessoa idosa? Os jovens têm dimensão do papel do idoso na nossa sociedade ou acreditam que este idoso não tem mais papel algum nas nossas vidas?
 
De acordo com Regina Helou, Vice-Presidente do Projeto Velho Amigo e uma das idealizadoras do Prêmio Bem Envelhecer, "a qualidade de vida da terceira idade pode depender diretamente da visão que a juventude tem dessa população, uma vez que a interrelação dessas duas gerações vai contribuir significativamente para o bem envelhecer tanto de quem já é idoso quanto do próprio jovem que um dia chegará a mesma condição", conta a filantropa.
 
O Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer está aberto para participação de jovens entre 18 e 30 anos, residentes no Estado de São Paulo e consiste na produção de vídeos de até três minutos por participante ou grupo, em qualquer formato, com o objetivo de transmitir mensagens envolvendo a quebra de estereótipos negativos associados aos idosos, como: inutilidade, improdutividade, incapacidade, passividade e falta de interesses, com vistas a contribuir para a redução da discriminação etária dos idosos e mostrar seu potencial, sensibilizando a sociedade para esta causa, gerando reflexão sobre o processo de envelhecimento saudável em suas diversas vivências de acordo com as diretrizes da Organização Mundial de Saúde – OMS.
 
Para Fernanda Gouveia, uma das idealizadoras do concurso, docente do Programa de Pós-Graduação em Gerontologia da PUC-SP e criadora da Virada da Maturidade, "a sociedade carece de iniciativas intergeracionais que permitam uma reflexão aprofundada sobre a relação que se estabelece com os idosos. Estamos vivendo uma revolução do envelhecer, momento ideal para mostrar todo o potencial da maturidade e a importância de todos se prepararem para a etapa tardia da vida", explica a especialista em envelhecimento.
 
Para angariar recursos para promover o Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer os interessados podem contribuir com valores espontâneos por meio de uma plataforma de crowdfunding (plataforma de colaboração). É só acessar o link https://click2giv.com/premio-bem-envelhecer-00b5 para fazer uma doação.
 
A curadoria atuará em fase classificatória e contará com a expertise do Curso de Gerontologia da PUC-SP. A banca de premiação dos vídeos será formada por membros de projetos voltados para a terceira idade, empresários, publicitários, acadêmicos e filantropos.
 
Os vencedores serão divulgados em fevereiro de 2018 e premiados da seguinte forma: 1° lugar, um aparelho Smartphone para cada um dos integrantes inscritos; 2° lugar, um pacote de quatro meses na Academia Competition para cada um dos integrantes inscritos.
 
As inscrições já estão abertas e vão até o dia 30 de novembro de 2017 (quinta-feira). Para saber como participar e sobre o regulamento, basta acessar: http://www.premiobemenvelhecer.com.br/como-participar/. Os resultados, assim como data, horário e local do evento de premiação serão divulgados pelo site do Concurso, no início de 2018.
 
Concurso Cultural Prêmio Bem Envelhecer
Período de inscrições: 10 de setembro até 30 de novembro de 2017
Resultados: serão divulgados no início de 2018 pelo link http://www.premiobemenvelhecer.com.br/

PANAMERICANA E COLLECTANIA REALIZAM JOB TRAINING

por Redação.

15/10/2017 16:06:00
 
Com o princípio de formar profissionais completos para o mercado de trabalho, a Panamericana, lançou um Job Training para os alunos do curso de Design de Interiores, desenvolverem projetos para as lojas Collectania, que atua desde 1994 no mercado como importadora e distribuidora para o Brasil de mobiliário de alta qualidade e representa com exclusividade as marcas, Auping, Dedon, Kettal e Arcade Avec.
 
panamericana.jpeg
 
Por meio de uma votação, com júri composto pela diretoria da Collectania e da Panamericana, serão eleitos os finalistas e todos devem receber um certificado de Menção Honrosa.
 
Serão duas exposições, uma na Panamericana, unidade Groenlândia, de 18 a 31/10, com todos os projetos entregues, e outra na loja Collectania da Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 1.456 - Jardim Paulistano, também de 18 a 31/10, com apenas projetos finalistas. Na noite anterior à inauguração da exposição na loja, será feito um coquetel apenas para convidados.
 
Todos os projetos selecionados ficarão expostos na loja para que o público possa conhecer o projeto e seus resultados finais.
 
Informações sobre a Exposição
Local: Rua Groenlândia, 77
Período: de 18 a 31/10
 
Local: Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 1.456 - Jardim Paulistano
Período: de 18 a 31/10